Quanto Ganha um Escrivão da Polícia Federal – Salário

Você sempre quis ser um agente da polícia federal? Há várias possibilidades de entrar para este campo da polícia, uma vez que a categoria oferece cargos em diferentes escalas, que vão desde a atuação na área prática de apreensões até na administrativa. Para ingressar no departamento da polícia federal é necessário prestar concurso público.



Uma das profissões que mais despertam o interesse na polícia federal é a de escrivão, o que se deve à remuneração financeira satisfatória, além de oferecer condições interessantes de trabalho e estabilidade, pois o servido público pode trabalhar por um tempo determinado, sem correr o risco de sofrer demissões. Veja nesse artigo completo, quanto ganha um escrivão da polícia federal.

O que faz um Escrivão da Polícia Federal?

escrivão polícia federal

O escrivão da polícia federal é um agente que atua na parte administrativa desta categoria, tendo como funções diárias realizada a documentação dos ocorridos registrados pela polícia, acompanhar os processos policiais, além de lavrar boletins, anexar termos aos processos, além de expedir mandatos judiciais e de ordens de serviço.

A carga horária de um escrivão da polícia federal é de 8 horas por dia, totalizando 40 horas semanais. O seu trabalho fica concentrado principalmente na delegacia desta categoria de polícia, mas dependendo do tipo de atividade e documentação a serem feitos, ele também terá que se deslocar até o cartório ou em demais órgãos públicos, que estejam sendo requisitados nos processos.

Quais são os requisitos para ser Escrivão da Polícia Federal?

Para trabalhar como escrivão da polícia federal é preciso atender à uma série de requisitos para estar apto ao cargo. Em primeiro lugar, é necessário ter formação em um curso superior, que não necessariamente precisa ser em Direito, mas o ideal é que seja, pois assim o profissional terá mais facilidade para lidar com as suas atividades do dia a dia, conhecendo a aplicação das leis brasileiras e os termos técnicos.

O interessados em ser um escrivão da PF não pode ter nenhuma passagem pela polícia, ter mais de 18 anos de idade, profundo conhecimentos na Consituição Brasileira, em Direito Civil, além de dominar as ferramentas básicas da informáticas, pois ele deve ter agilidade para registrar os boletins de ocorrências e fazer a alteração de protesto quando for necessário.polícia federal foto

Quanto Ganha um Escrivão da Polícia Federal?

A profissão de escrivão da polícia federal é uma das mais requisitadas por quem deseja trabalhar neste órgão público, o que em parte se deve à remuneração que é oferecida.

Em início de carreira, um escrivão da polícia federal recebe R$ 2.200, sendo o salário pode subir de acordo com a experiência galgada pelo profissional ao longo do tempo.

O valor da remuneração pode ser alterado de acordo com cada região do país.

Além do salário em si, o escrivão da polícia federal também recebe benefícios como, por exemplo, adicionais por tempo de trabalho, além de um plano de carreira que é essencial para quem deseja evoluir, tendo a oportunidade de investir na sua própria formação para alcançar novos cargos na posterioridade.

Como Ser um Escrivão da Polícia Federal

escrivão polícia federal

Você se interessou em ser um escrivão da polícia federal? Pois bem, como há muita gente interessada em ocupar este cargo no setor público, existe uma grande concorrência nos concursos voltados para esta área. Para ser um escrivão da polícia federal é necessário prestar concurso público no seu respectivo estado, que geralmente acontece a cada dois anos, visando renovar o quadro de funcionários.

Sendo assim, é preciso ficar atento à realizaçõe do concurso público para a polícia federal, que é feito para vários cargos, inclusive, o de escrivão. Primeiramente, é recomendado ler completamente o edital do concurso, pois desta maneira você saberá com riqueza de detalhes todos os requisitos que tem que seguir para estar apto a concorrer ao cargo de escrivão da polícia federal.agentes da polícia federal

Depois de ler o edital do concurso público é preciso fazer a sua inscrição, arcar com o valor da taxa cobrada e principalmente investir na sua preparação, estudando disciplinarmente de forma individual ou em cursinhos que são voltados exclusivamente para cargos neste órgão do governo.

Alguns dos temas cobrados na prova são leis da Constituição Brasileira, Direito Civil, língua portuguesa, informática, além de questões de cunho administrativo.

+ Outros cargos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *