Quanto Ganha um DJ – Salário

Os valores variam de acordo com a fama. Um DJ ganha a partir de R$ 300 por evento.



Um DJ pode ganhar bastante com suas peripécias nas picapes. De acordo com a revista “Forbes”, o holandês Tijs Michiel Verwest, mais conhecido como DJ Tiesto, um dos mais importantes nomes da música eletrônica, faturou o equivalente a U$ 44 milhões (dólares) em 2013. Já em 2014, Calvin Harris faturou U$46 milhões de dólares, assumindo a liderança dos DJs mais bem pagos do mundo.

A lista dos DJs milionários é completada por Avicii, Afrojack, Zedd, Kaskade, Pauly D, Deadmau5, Steve Aoki, David Guetta, Skrillex e o extinto grupo Swedish House Mafia.

quanto ganha um dj

Quanto Ganha um DJ?

Estes artistas, no entanto, não podem ser tomados como referência para tentarmos identificar quanto ganha um DJ. Eles são convidados para se apresentar nas principais festas da Europa e dos EUA e para trabalhar com os cantores pop do momento.

A profissão de DJ foi regulamentada em 2013. Para atuar, é preciso o registro no Ministério do Trabalho e Emprego, com atestado de capacitação profissional (ou certificado de conclusão em curso profissionalizante). Os primeiros sindicatos da categoria estão sendo organizados e em breve deverão ser estabelecidas as tabelas de preços para as apresentações.

O importante, no entanto, não é tentar saber quanto ganha um DJ. Com qualidade e muito trabalho, é possível obter bons rendimentos. O candidato à profissão precisa ser criativo, gostar de música, conhecer todos os estilos musicais, saber utilizar equipamentos de áudio e vídeo, praticar e estudar bastante e estar em dia com as novas tecnologias. Só assim é possível fazer sucesso com o trabalho. O dinheiro é apenas uma consequência.

O início da carreira de DJ

As possibilidades de trabalho são bastante vastas. Existem DJs de clubes, de eventos corporativos, de festas, de bandas, sonoplastas, etc. É uma profissão muito dinâmica, em que é preciso se reinventar praticamente a cada nova apresentação.

Os cachês variam bastante. Um DJ em início de carreira pode ser, por um bom tempo, convidado apenas para “abrir a pista”, isto é, tocar no início dos eventos, quando os convidados estão chegando. Nestes casos, é muito difícil ganhar mais de R$ 300 em uma noite.

dj

Mesmo assim, é um bom dinheiro. Revelando talento, carisma e muito pique para pôr a moçada para dançar, é possível fazer dez apresentações em um mês, o que rende um salário de R$ 3.000. Este valor é referente ao pagamento recebido em casas noturnas. A participação de um DJ em eventos fechados, como aniversários e casamentos, pode render até R$ 2.000 no início da carreira.

Muitos profissionais novatos na área podem se desanimar com esta atividade, mas é uma boa oportunidade para mostrar o trabalho, fazer novos contatos e criar uma reputação positiva. Além disto, com a casa vazia, é possível apresentar o repertório predileto e treinar novas técnicas para apresentar as músicas.

É preciso lembrar que há um investimento para começar a oferecer os serviços de DJ. É necessário adquirir alguns equipamentos, como o CDJ, mixer, RCA, P10, P2, etc., além de um notebook ou tablet (ou ao menos um pen drive) para armazenar as músicas. Se as apresentações forem apenas esporádicas, vale a pena checar os custos de aluguel. Algumas casas noturnas possuem seus próprios toca-discos e amplificadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *